terça-feira, 12 de novembro de 2013

Requisitos da ICAO e proficiência da língua inglesa



 

Requisitos da ICAO


O documento 9835 da ICAO contém os requisitos necessários para o teste de proficiência da língua inglesa.


A ICAO divulgou que 1.100 pessoas morreram por causa de comunicação ineficiente na rádio frequência. Por conta disso, passa a ser exigido por lei que toda tripulação passe por um teste de proficiência da língua inglesa a partir de 5 de março de 2008.

Abaixo, os níveis que podem ser alcançados no Teste de Proficiência da Língua Inglesa. O nível 4 é o mínimo exigido para o integrante da tripulação continuar operando.

Nível de proficiência
Intervalo entre os testes
Nível 6: Expert
Sem necessidade de novo teste
Nível 5: Avançado
Novo teste a cada seis anos
Nível 4: Operacional (nível mínimo)
Novo teste a cada três anos
Nível 3: Pré-operacional
Licença não concedida/ mantida
Nível 2: Básico
Licença não concedida/ mantida
Nível 1: Iniciante
Licença não concedida/ mantida


 
Importância do Teste de Proficiência da Língua Inglesa

Segundo a ICAO, a falta de proficiência na língua inglesa se tornou um grande problema de segurança na aviação. Por essa razão, foi instituído o Teste de Proficiência da Língua.

Uma parte da indústria da aviação tem sido resistente à ideia do Teste de Proficiência da Língua Inglesa, uma vez que isso poderia representar um risco de não estarem aptos a exercer a profissão.

A Wings Englishentende essa preocupação dos profissionais da aviação e por isso trabalha para tornar os estudantes proficientes na língua inglesa, o mais rápido possível.

Eis dois exemplos onde a falta de proficiência na comunicação colocou em risco a segurança dos passageiros:.

  1. Um artigo recente no “O Globo” sobre os perigeus da falta de proficiência em Inglês na aviação.
  2. Um dos piores desastres aéreos foi em Tenerife, no dia 27 de março de 1977, onde 583 pessoas morreram: Desastre aéreo de Tenerife
  3. Gravação da Air China


Fonte: http://inglesparaaviacao.info/exigencias-da-icao/ Mas esse texto está em muitos outros blogs, então não acho que seja um problema postá-lo desse jeito.

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More