sexta-feira, 17 de agosto de 2012

O medo de falar inglês

Concentre-se sempre na comunicação.

Não importa se suas frases estão perfeitas.O importante é passar sua mensagem.
Acredite: para alguém impaciente, não fará diferença se a gramática está correta, mas sim, saber o que você quer dizer.


Escute

Ouvir te dará modelos de diálogos que te farão reproduzí-los, que por fim, se  transformarão em uma conversa fluente.

Ouça músicas ou diálogos em um filme.


Dê um feedback

É importante que o seu professor saiba se você está gostando das atividades escolhidas e do curso em geral.
Professor e aluno devem trabalhar em conjunto para um melhor resultado .
De tempos em tempos, relate o que você acha deu mais efeito, o que gostaria de ter mais ênfase e seus objetivos futuros com o curso.

Peça um feedback

Você pode estar sendo injusto com você mesmo quanto á sua performance.
Peça ao seu professor um feedback profissional e formal sobre o seu progresso de tempos em tempos.
Peça para que ele aponte o que precisa ser melhorado, ofereça sugestões de exercicios e oriente quanto aos futuros passos.

Leia

Leia o que você tem mais interesse. Não leia sobre algo que não seja do seu interesse. A internet tem tanta informação que é injusto forçar alguém a ler algo que não goste.Se você gosta de moda, por exemplo, leia algo sobre isso e ganhe vocabulário novo de maneira gostosa.

Não se culpe

As pessoas tem dificuldades em várias áreas. A sua dificuldade é falar um idioma.
Independente do motivo que isso acontece, não se desmotive ou sinta-se incapaz de aprender.
Estar estudando é um passo para vencer esse obstáculo e deve ser sempre valorizado.

Tenha sequência

Siga um livro, um curso, tenha objetivos.
Alguns alunos querem abraçar o mundo: começam o básico, depois querem aprender algo para viagem, depois precisam fazer uma apresentação no trabalho e transformam o curso em uma verdadeira salada e não chegam a lugar algum.resumindo:perda de tempo e de dinheiro.

Tenha frequência

As faltas são as maiores vilãs do bloqueio. O constrangimento do aluno em ter esquecido o que foi dado na última aula por conta das faltas, acarretará em um misto de dificuldade, dúvida , vergonha e, por fim, desmotivação.

Repita palavras e frases em voz alta-
Está sozinho em casa ou no carro? Fale, fale, fale.

Desabafe, conte, solte-se, repita aquelas palavras mais difíceis. Novamente, treine esse músculo
que é a sua língua e acostume-se com aqueles sons que só existe em inglês como:the




0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More