quinta-feira, 21 de junho de 2012

Inglês fluente pode garantir sucesso profissional no exterior


Falar inglês fluente, conseguir um bom trabalho, fazer novos amigos, explorar lugares e viajar ao redor do mundo.

E estes são alguns dos sonhos de muitos brasileiros que estão tentando se enquadrar nos padrões do País, que deixou de ser visto como secundário entre os países desenvolvidos para ser considerado a 6ª economia do mundo.

Mudança de status que faz diferença na vida daqueles que aproveitarão as oportunidades que ainda estão por vir, principalmente enquanto o país se prepara para sediar dois dos maiores eventos esportivos do mundo nos próximos anos: Copa do Mundo em 2014 e Jogos Olímpicos em 2016. Nesse período, o país certamente estará recebendo turistas do mundo inteiro em busca do clima tropical do Brasil, da hospitalidade e do calor humano da nação brasileira.

 
Nessa hora, os brasileiros estarão preparados para novas oportunidades de negócios e mostrarão aos turistas que será possível falar de igual para igual. Muitos deverão colocar em prática as aulas de inglês para alcançar um futuro promissor e de sucesso na vida profissional. Foi assim que fez a brasileira Michele Marques, 29 anos, de Itirapina, São Paulo. Há três anos morando nos Estados Unidos, ela deixou a carreira profissional em Direito para aperfeiçoar o inglês.

 
“Não me arrependo do que fiz. A experiência é maravilhosa e sei que agora as portas no Brasil se abrirão para mim.” Michele está decidida a voltar ao Brasil neste ano, porque acredita que o crescimento da economia do país e a chegada da Copa do Mundo poderão alavancar sua carreira profissional, recompensando-a pelo esforço que fez vivendo longe da família e dos amigos ao longo desses anos. “Penso que agora será a hora para quem realmente deseja voltar ao Brasil com inglês fluente, porque existem boas oportunidades, mas falta mão de obra qualificada”, ressalta ela.

Outra brasileira que também embarcou rumo aos USA para aperfeiçoar o inglês foi Nathale Coelho, 27 anos, de Recife – PE. “Eu vim para os Estados Unidos pela primeira vez em 2005 para um programa de intercâmbio. Gostei tanto da experiência, que decidi voltar para estudar”, explica.

Ambas tiveram a oportunidade de estudar em uma escola de inglês em Chicago – que está entre as cidades com maior economia dos USA.

A instituição de ensino conhecida como BIR Training Center conta hoje com quase mil estudantes internacionais e, de acordo com o diretor de marketing da escola, Tigran Muradyan, nunca houve tanta procura como agora por parte dos estudantes da América do Sul. “Estamos felizes com a quantidade de brasileiros que estamos recebendo. Sem dúvida, acreditamos que isso faz parte do crescimento da globalização.” Tigran finaliza, brincando: “Com certeza, estarei no Brasil para a Copa do Mundo para testar a fluência dos meus estudantes”.

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More